Off

Spot produzido para as famosas Festas do Povo de Campo Maior já roda nos vários canais da RTP

Começou esta segunda-feira a rodar nos vários canais da RTP e na Internet o mais recente spot produzido pela Blablabla Media. O clip é uma encomenda para a edição de 2015 das belíssimas Festas do Povo de Campo Maior

Quatro anos depois de produzir o seu primeiro spot para as Festas do Povo de Campo Maior, a Blablabla Media volta a ser a produtora do filme oficial da mais emblemática festas das flores do país. O clip de 25”, que no espaço de quatro dias já ultrapassou as 36 mil visualizações online, será emitido diariamente nos canais 1, 2, Informação e Memória, da RTP, até ao fim-de-semana de arranque do evento, no próximo dia 22 de Agosto.

Produzido para a agência F5C, este spot contou com a realização, montagem e produção executiva de Filipe Araújo, direção de fotografia de Carlos Ferreira, produção de Renata Mayumi e motion design de Ricardo Nunes (ICP).

Off
View Post
Blablabla Media presente no MUDE, em exposição da TAP

Blablabla Media presente no MUDE, em exposição da TAP

Esta quinta-feira, dia 15, abre as portas no MUDE (Museu do Design e da Moda), em Lisboa, uma exposição dedicada aos 70 anos da TAP, em que a Blablabla Media marcará presença através de um vídeo de 31′. Para visitar até Novembro

exposição TAP Portugal: Imagem de um Povo, que amanhã se inaugura no MUDE, debruça-se sobre o design da companhia aérea nacional desde 1945 até à atualidade, evidenciando o contributo da imagem da marca para a identidade da TAP e para a consolidação da ideia de companhia de aviação moderna, experiente, segura e competitiva, ao serviço do povo português e das comunidades espalhadas pelo mundo.

Cinco núcleos cronológicos registam evolutivamente os cinco logótipos que a companhia usou até hoje, realçando em cada um a estreita relação da TAP com os diferentes contextos ideológicos e político-económicos com a chegada de novos aviões ou a inauguração de novas linhas, a par com a evolução das outras companhias de bandeira internacionais.

Em cada núcleo, apresentam-se diversos suportes de comunicação, uniformes, campanhas publicitárias, interiores de aviões, loiças e cutelaria de bordo. Incluem-se propostas que não foram concretizadas, mas igualmente importantes, e é dado particular destaque a esboços, maquetas e artes finais, colocados lado a lado com os resultados impressos e/ou os produtos finais. 

É na área dedicada à revista Up que o visitante poderá encontrar uma compilação de 31′ em vídeo com os trabalhos produzidos pela Blablabla Media para a publicação de bordo da companhia.

Off

Gualdino Barros em filme abre Os Dias do Jazz

A Sétima Vida de Gualdino abre hoje, em Faro, a primeira noite d’Os Dias do Jazz. A projeção acontecerá às 21h30 no Museu Municipal da cidade e a entrada é gratuita

No dia 30 de Abril assinala-se o Dia Internacional do Jazz e Faro não quis deixar passar a data em branco. Foi assim que o Município de Faro juntou esforços com o Teatro das Figuras, o Teatro Lethes, o Club Farense e o Cineclube de Faro, para apresentar esta semana a primeira edição de Os Dias do Jazz, festival que decorrerá de 29 de Abril a 3 de Maio.

Com um programa envolvente e de grande versatilidade dentro daquele género musical, o festival promete trazer a Faro grandes nomes do jazz internacional e nacional (Ricardo Coelho, João Hasselberg, Tessa e a Banda Troilaré, Low Tech Groove, Maria João & Mário Laginha e a Orquestra de Jazz do Algarve Redux) e até algum cinema. A passagem da sétima arte pelo certame está marcada logo para a noite de abertura do festival com a exibição do filme A Sétima Vida de Gualdino, no Museu Municipal de Faro, pelas 21h30 (entrada livre). Eis, pois, mais uma boa oportunidade para conhecer de perto o lendário baterista Gualdino Barros.

Off

Bla Stages estrena “Huésped”

Durante el desayuno, en la cocina de David, un compañero de trabajo, Beatriz se enfrenta a lo desconocido. Lo desconocido, sin embargo, se esconde en lugares comunes, donde nuestra confianza puede romperse con facilidad y hacernos vulnerables. ¿Debemos creer en todo lo que ven nuestros ojos? ¿Acaso no existen monstruos invisibles, bestias que acechan en los rincones comunes, presencias que se aprovechan de la oscuridad? Hay alguien fuera de lugar, y Beatriz lo va a descubrir. Este viernes, 20 de marzo, el equipo dirigido por la actriz y encenadora portuguesa Ana Câmara estrena “Huésped” en Bilbao

La obra de teatro con 20 minutos de duración se incluye en las III Jornadas de Teatro Breve del Pabellón 6 e podrá ser vista este viernes (20h00, 21h00 y 22h00), sábado (19h30, 20h30 y 21h30), domingo (19h00, 20h00 y 21h00), viernes 27 (20h30 y 21h30), y domingo 29 (19h00, 20h00 y 21h00).

Sinopsis: Cuando algo está fuera de lugar, lo cotidiano se vuelve insoportable: un objeto en un espacio que no le corresponde, una persona que no reacciona a los estímulos, un parásito peligroso en una casa ordinaria.

Off
View Post
The Ninth Life of Gualdino arrives to Estonia

The Ninth Life of Gualdino arrives to Estonia

The Blatic premiere of the Blablabla Media’s awarded documentary will happen next week (16 March – 9:00 PM) in the Tartu Uus Teater, Tartu. The Ninth Life of Gualdino integrates the Main Program of the Tartu World Film Festival

For more details about the film festival that promisses to bring “the world’s best documentaries” to the heart of the Estonian oldest city, read Pille Runnel’s statement on this 12th edition and consult the film’s list.

Festival teaser

Off

Blablabla Media produz filme dos 70 anos da TAP

A companhia oficial de bandeira portuguesa comemora este mês de Março os seus 70 anos de vida. Para assinalar o momento, a TAP encomendou um filme institucional à Blablabla Media. Esta Sexta-feira, o clip será tornado público. Poderá ser visto em televisão, web e in-flight TV

“TAP 70 Anos” contou, entre outros, com a realização de Carlos Ferreira, assistência de imagem de Diogo Pires, maquilhagem de Sandra Senra, edição de Carlos Ferreira e Mariana Ratão, textos e locução de Lúcia Cavaleiro, finalização de Ricardo Nunes, e produção executiva de Filipe Araújo.
Captura de ecrã 2015-04-13, às 01.05.35

Off

Blablabla Media com a TAP e a Up na BTL 2015

A BTL, maior feira de turismo nacional, encerrou este Domingo na Feira Internacional de Lisboa mais uma edição concorrida. Tal como no ano passado, a Blablabla Media voltou a marcar presença no certame através de um trabalho encomendado pela TAP e pela revista Up

Ao longo de três dias, quem se deslocou ao stand da TAP pôde assistir ao vídeo produzido pela Blablabla Media para o ecrã gigante do expositor. O trabalho, dedicado a mostrar e promover a revista Up — magazine de bordo da companhia de bandeira portuguesa, com quem a produtora colabora regularmente desde 2014 —, teve realização de Filipe Araújo, imagem de Diogo Pires e motion design de Ricardo Nunes.

Loop sem áudio produzido para o evento

Off
View Post
La Neuvième Vie de Gualdino: este Domingo, em Paris

La Neuvième Vie de Gualdino: este Domingo, em Paris

A longa documental A Sétima Vida de Gualdino será projectada em Paris este Domingo, dia 25, pelas 20h00, na Maison du Brésil. O filme, que retrata a terceira idade do lendário baterista de jazz Gualdino Barros, encontra-se programado como parte da extensão do Festafilm à capital francesa. A entrada é gratuita

Desde a ante-estreia na Cinemateca Portuguesa, em Março de 2014, o documentário de Filipe Araújo, produzido pela Blablabla Media, fez um percurso que o levou a algumas das principais selecções oficiais de festivais internacionais dedicados ao género. Arrecadou entretanto dois primeiros prémios (Temps d’Images; Muvi Lisboa), foi projectado em salas emblemáticas de Lisboa como o Cinema São Jorge ou o renovado Cinema Ideal, e, após uma estreia televisiva no primetime da RTP2 (Abril de 2014), integrou a programação de Natal da televisão pública portuguesa.

A Maison du Brésil encontra-se no décimo quarto distrito (14e arrondissement) da capital francesa (ver mapa).
Off

Temps d’Images: A Sétima Vida de Gualdino é Melhor Filme Português

O documentário A Sétima Vida de Gualdino, de Filipe Araújo, conquistou na passada noite o prémio para Melhor Filme Português do Festival de Cinema Temps D’Images, dedicado a filmes sobre arte, revelou a organização à agência Lusa

O documentário A Sétima Vida de Gualdino, de Filipe Araújo, conta a história do baterista Gualdino Barros, que lançou nos palcos dezenas de músicos como Jorge Palma, Bernardo Sassetti e Dany Silva. Este filme também venceu a competição nacional da 1.ª edição do Festival Internacional de Música no Cinema – MUVI, que decorreu este ano em Lisboa, integrando ainda as Selecções Oficiais de variados festivais internacionais, como é exemplo o Thessaloniki Documentary Festival — terceiro maior certame documental da União Europeia.

Foram exibidos nesta sexta edição do Temps d’Images, no Cinema Ideal, em Lisboa, 38 filmes de todo o mundo, 14 deles portugueses, todos realizados entre 2012 e 2014.  Rajele Jain disse que muitas das sessões estiveram esgotadas e que passaram pelo festival 23 realizadores portugueses e estrangeiros.

O júri deste ano foi composto por Eduardo Barbosa da Cunha, diretor do festival África Mostra-se – Mostra de Cinema Africano, a realizadora Teresa Prata e as estudantes de arte Lisa Malwe Brammsen, Mariana Pinto de Freiras e Sara Martins Marques.  Os Prémios de Cinema para Filmes sobre Arte entregam um valor de 2.000 euros ao Melhor Filme sobre Arte, e de 1.500 euros ao Melhor Filme Português e ao que mostra a importância da arte de forma mais original.

O Temps d’Images é um festival trans-discipilinar com expressão em vários países europeus e apoiado pelo canal franco-alemão ARTE.

Off

Gualdino nos Prémios para filmes sobre arte do Temps d’Images 2014

O documentário A Sétima Vida de Gualdino, de Filipe Araújo, é um dos trabalhos nomeados deste ano aos Prémios de filmes sobre arte do Temps d’Imagesfestival transdisciplinar promovido pelo canal ARTE em vários países europeus. A produção da Blablabla Media sobre o carismático baterista Gualdino Barros será projectada no renovado Cinema Ideal, em Lisboa, já no próximo Sábado, dia 15 de Novembro, pelas 18h00

1797432_616348205123383_2022116774_nEstreada internacionalmente em Março de 2014 e grande vencedora do festival MUVI Lisboa ’14, a longa documental será apresentada numa sessão conjunta com os trabalhos “Ma Caravane”, de Gil Maddalena (10′), e “Bernarda Alba en Palestina”, de Cristina Andreu Cuevas (23′). 

Após a nomeação da curta-metragem “Iberia”, em 2011, esta é a segunda vez que o realizador Filipe Araújo vê um filme seu naquele festival.