A pandemia dava um filme?

Cláudia Alves e Joana Ribeiro, Sete Margens
Portugal

  • Date: Abril, 2021

Com outros trabalhos soltos a serem cancelados, decidi dedicar-me aquilo que mais gosto: ao documentário. É que o documentário exige tempo, tempo para observar, e isso era coisa que eu ultimamente não tinha. Agora tinha tempo, mas não podia sair de casa. Como já dizia a campanha “Vá para fora cá dentro”: Observar dentro de casa, claro está! A princípio éramos três: eu e dois gatos. Poucos dias depois juntou-se a Joana. Entrou-me pela casa um mundo cheio de vida, o telefone não parava de tocar: “posso sair de casa?”, “já temos kit de proteção?”, “criamos um teste in house?”, “devo prosseguir tratamentos?”.

Cláudia Alves, Cineasta